Hérnia de disco: Por que isso dói tanto? Saiba como tratar!

Kinax

A hérnia de disco consiste numa doença que afeta inúmeras pessoas no Brasil e no mundo, sendo reconhecida pela grande dor e desconforto que ela gera nos pacientes. Para saber quais são as causas, sintomas e tratamentos para esta doença, confira nosso post.

Hérnia de Disco – Causas

A estrutura da coluna espinhal é formada por discos invertebrados que se apresentam em formato de anel e estão localizados entre as vértebras. Esses possuem a função de impedir que ocorra o atrito entre as vértebras, garantindo a flexibilidade dos movimentos da coluna.

Esses discos invertebrados são formados por tecidos cartilaginosos e elásticos que se desgastam naturalmente mediante uso repetitivo. Desse modo, a hérnia de disco consiste justamente no desgaste desses discos, provocando a fragilidade ou ruptura do anel que contém o disco, comprimindo a estrutura nervosa e causando muita dor.

As causas desse desgaste estão relacionadas principalmente ao processo de envelhecimento, predisposição genética e esforço excessivo dos músculos (no caso de pessoas que levantam peso com frequência). Além disso, o excesso de peso, sedentarismo e o fato de ficar por muito tempo na mesma posição (sobretudo sentado), faz com que as chances de ter esta doença aumentem consideravelmente.

Hérnia de Disco – Sintomas

De maneira geral, o desgaste dos discos localizados na coluna espinhal apresenta os seguintes sintomas:

Hérnia de disco

  • Dores no nervo ciático (sentida nos braços ou nas pernas);
  • Sensação de formigamento ou cãibras nos braços ou nas pernas;
  • Sensação de fraqueza nos nervos;
  • Dor na coluna cervical, no tórax ou na lombar;
  • Alterações quanto à frequência ou fluxo de fezes e urina.

Hérnia de Disco – Tratamentos

Cerca de 80% dos casos de pacientes diagnosticados com esta doença apresentam excelente recuperação em até 6 semanas de tratamento por meio de repouso, ingestão de analgésicos e relaxantes musculares e sessões de fisioterapia.

No caso de quadros um pouco mais avançados, nos quais a dor se apresenta mais intensa, podem ser recomendadas injeções com esteroides, radiofrequência pulsada ou até mesmo a realização de cirurgia.

Como prevenir esta doença?

De maneira geral, esta doença pode ser prevenida mediante ações simples, que são:

Adequação ergonômica

Esta adequação é sobretudo muito indicada no caso de pessoas que trabalham em escritórios ou que passam muito tempo sentadas. Ela consiste em ajustar a altura das mesas, cadeiras, bancadas, computador etc, fazendo com que a posição das pessoas mantenha-se a mais adequada possível, evitando o desgaste da coluna.

Leia Também ↓↓: 

Tomar cuidado ao levantar peso

As pessoas que costumam levantar peso com frequência, seja em virtude de uma atividade profissional ou em academias, devem aprender técnicas que não requeiram tanto esforço da coluna, buscando amenizar o desgaste causado por esta atividade.

Fazer exercícios físicos

A prática regular de uma atividade física é indispensável para as pessoas que desejam evitar o surgimento desta doença. Esses exercícios, além de combater a obesidade, também atuam no fortalecimento dos nervos, fazendo com que eles naturalmente fiquem mais resistentes ao desgaste.

Como é possível perceber, a hérnia de disco consiste em uma doença capaz de ser prevenida e combatida, sendo necessário manter à risca todas as recomendações médicas.

Leia Também ↓↓: 

 

 


Leia Também ↓↓: 

CURTA A NOSSA PÁGINA:

Recomendados Para Você: