Tratamento inovador promete curar disfunção erétil com choques no pênis. Saiba mais!

Canal Cura Verde

4.7 (93.33%) 3 votes

Uma metodologia que já é adotada em países como França e Israel promete dar um basta nos problemas causados pela disfunção erétil, ou impotência sexual, como é popularmente chamado o problema que homens dos 50 aos 80 anos de idade enfrentam.

O método é muito simples, mas um tanto quanto peculiar: dar choques no pênis para manter a ereção. Segundo médicos e pacientes que já experimentaram a metodologia, o tratamento é indolor e nenhum um pouco invasivo. Ainda de acordo com os especialistas, os resultados aparecem em poucas semanas.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que é um órgão do governo federal, autorizou o uso da metodologia no Brasil. Desde 2012, os interessados podem passar pelo procedimento. Porém, a Anvisa diz que o método não é a solução para o problema. Além disso, a técnica é muito recente e, por isso, ainda não existem muitos estudos que comprovem sua eficácia.

A impotência sexual é a dificuldade que o homem tem em manter o pênis rígido para ter início a penetração. Geralmente, o problema está associado a doenças cardíacas, já que o homem passa a ter dificuldades em manter a circulação sanguínea dentro do pênis. Dessa forma, o órgão sexual não fica rígido e ereto para o inicio do coito.

tratamento inovador para impotência

Leia Também ↓↓: 

 

Como é realizado o tratamento de choque?

Primeiramente, é utilizado um gel no corpo do pênis, sendo o mesmo usado em exames de ultrassom. Logo depois, é só encostar a maquina no órgão sexual e, então, ela transmitirá ondas para o pênis, com choques que não provocam dores. A ideia é que os choques estimulem o surgimento de novos vasos sanguíneos na parte interior do pênis.

Essa aplicação dura até 20 minutos, totalizando mais de 3.500 disparos de choque no pênis por sessão. Porém, não é um tratamento nada econômico, quando comparado com medicamentos e plantas medicinais.

Várias entidades ligadas a médicos urologistas pedem cautela com esse tratamento, já que ainda não foram identificados os efeitos colaterais desse procedimento. Portanto, o recomendável ainda é manter um estilo de vida saudável para melhorar as condições na hora do sexo. Além disso, existem vários remédios naturais que podem ajudar a curar o problema.

Gostou do texto sobre esse tratamento da disfunção erétil? Então, aproveite para compartilhar com seus amigos nas redes sociais!


Leia Também ↓↓: 
Kinax

CURTA A NOSSA PÁGINA:

Recomendados Para Você: